Prazeres / Sabores

Perrier-Jouët Blanc de Blancs é tudo o que podemos desejar num só champanhe

Chegou a Portugal a mais recente proposta da maison francesa Perrier-Jouët, pertencente ao grupo Pernod Ricard. Fresco e floral com notas cítricas, é o epitome da sofisticação à mesa - e não só.

Foto: Perrier-Jouët
12 de outubro de 2021 | Marta Vieira

Na passada quinta-feira, a produtora francesa de champanhe Perrier-Jouët, com sede na região de Épernay, em Champagne, apresentou o elegante e sedutor Blanc de Blancs, no restaurante lisboeta Praia no Parque.

A novidade vem celebrar a casta Chardonnay, e a sua melhor seleção de uvas, sendo produzida através de um processo de colheita manual.  Curiosamente torna-se mais floral que os demais porque ao invés de combinar diferentes castas mantém-se 100% fiel à casa-mãe.

Numa nota mais técnica, surge-nos com uma maturação de três anos e num blend conseguido a três dimensões – idade, casta e crus. Mas o melhor de tudo são mesmo as suas características intrínsecas, que nos fazem querer abrir já a primeira garrafa. Num tom dourado e muito fresco, contém notas florais de peónia e madressilva, mas também um toque cítrico proporcionado pela combinação do limão, toranja e até pera branca. A textura é aveludada, claro está, sendo que o novo Blanc de Blancs deverá ser consumido idealmente a 10 oC.

Uma proposta subtil e delicada, ideal para acompanhar pratos leves como peixes brancos e vegetais ou outros mais intensos e opulentos como sushi e marisco. Combina, igualmente bem, com sobremesas frutadas. O pairing indicado para a derradeira experiência de degustação, de preferência num jantar, para que o seu efeito vibrante se prolongue noite dentro.

Joana Franco, Head of Marketing da Pernod Ricard em Portugal, não tem dúvidas que esta era a referência que faltava para completar a emblemática coleção da Perrier-Jouët e fala-nos em requinte, excelência e tradição como pilares da marca centenária.

De recordar que a Perrier-Jouët deve o nome ao casal de fundadores Pierre-Nicolas Perrier e Rose-Adelaïde Jouët, que há mais de 200 anos envergaram pelo universo do champanhe, negócio entretanto passado de geração em geração. A marca entrou para a história o ano passado, com Séverine Frerson a tornar-se a primeira mulher Cellar Master da maison e oitava mestre desde a sua fundação em 1811.

Já a Pernod Ricard, grupo que acolhe a Casa, fundado em 1975, conta com um notável portefólio de marcas imponentes no mercado como sejam a Jameson, Beefeater, The Glenlivet ou mesmo Royal Salute e Martell.

Perrier-Jouët Blanc de Blancs está disponível por €87,99.

Saiba mais sabores, bebidas, champanhe, Perrier-Jouët Blanc de Blancs, Perrier-Jouët, Pernod Ricard, degustação
Relacionadas
Mais Lidas
Sabores As carnes mais nobres chegaram a Cascais

Inaugurado este verão, o restaurante Latina Grill apresenta uma seleção ímpar de carnes maturadas e de corte premium. O chef André Sá Correia é o líder desta proposta gastronómica que se destaca por mais razões do que apenas um bom naco.