Viver

Como mostrar serviço (enquanto trabalha a partir de casa)

São muitos os escritórios que permanecem vazios, e que assim irão continuar até pelo menos 2021. O mundo até pode estar em stand by, mas a sua vida profissional não precisa de ficar estagnada.

Joaquin Phoenix em Uma História de Amor (2013)
Joaquin Phoenix em Uma História de Amor (2013) Foto: IMDb
13 de novembro de 2020 | Pureza Fleming

O mundo parou, as ruas silenciaram-se, os escritórios tornaram-se espaços desertos e as casas passaram a ser o epicentro de tudo — inclusive da vida profissional. Estar-se ‘preso’ em casa, a trabalhar a partir de sala de estar, não tem de ser sinónimo de carreira estagnada. Mas, para que tal aconteça, é importante que se adotar comportamentos que demonstrem que a vontade de se continuar a evoluir permanece (e não deixar que o ato de se trabalhar de pijama lhe tire as ganas que tão bem demonstrava no escritório). De forma a continuar a progredir profissionalmente é importante que procure feedback, que desenvolva os seus skills e ainda que se mantenha visível (como se costuma dizer, quem não aparece, desaparece), seja no Zoom, no Skype ou em qualquer plataforma que esteja a utilizar para se apresentar ao "serviço". Estar presente, estando ausente, é mais do que fundamental.

Peça feedback

É perfeitamente normal, e até positivo, que se peça mais feedback agora que as pessoas não estão todas reunidas no mesmo espaço. Enquanto empregado ou colaborador é igualmente natural que tenha dúvidas em relação à quantidade de vezes que está a pedir retorno ao seu chefe: se o está a solicitar em demasia ou se, pelo contrário, está a pedir-lhe respostas menos vezes daquelas que deveria. Combine, de antemão, com o seu superior, de que forma — e-mail, Whatsapp, telefone —, quando, e em que circunstâncias é que este quer ser contactado.

Faça uma to-do list (todos os dias)

Se já era importante em outros tempos, agora tornou-se crucial. Sim, manter-se uma lista de tarefas diária, que deverá ir sendo revista ao longo da jornada, nunca foi tão importante. Esta é uma tarefa que vale tanto para os chefes como para os seus empregados. Foco e organização nunca foram tão solicitados.

Aproveite para aumentar as suas skills

Há diversas vantagens a retirar-se deste, já-não-tão-recente-assim, cenário que é trabalhar-se a partir de casa. Uma delas é o tempo que se ganha ao não ter de se fazer, diariamente, o percurso casa-trabalho, trabalho-casa. Se bem organizadas as tarefas, aproveite o tempo que sobra para se dedicar a novas atividades ou para apenas aprofundar as skills que já tem. Nos dias que correm há diferentes tipos de cursos disponíveis online, à distância de um clique.

As interações são importantes

"As habilidades de comunicação são hoje mais importantes do que nunca", referiu Jean Choy, reitora associada da Foster School of Business, cujo foco é a educação executiva e iniciativas internacionais, ao The New York Times, num artigo sobre a progressão na carreira em tempos de pandemia. Por exemplo, "há pessoas que gostam de trocar umas palavras antes de se começar o programa de uma reunião e outras que gostam de ir direto ao assunto", continuou. Descubra o estilo da outra pessoa e adapte-se, de forma a que a comunicação seja mais eficaz. No mesmo artigo, Choy ressalta a importância de se estar presente nas reuniões online. "Mantenha a câmara ligada e incline-se um bocado para mostrar que está presente e focado", aconselha. E remata: "Numa reunião física, todos os olhos estão voltados para o orador, mas numa reunião virtual, todos os rostos estão a ser vistos em todos os momentos e por todos".

Tenha uma intenção

Defina a sua (nova) intenção, disse ao The New York Times, Rosenblatt, uma coach de carreiras. Talvez esteja à procura de novas responsabilidades, de uma promoção ou apenas que lhe mudem de área na empresa. "Encontre pequenas formas de ganhar experiência na área para a qual deseja mudar-se", diz aquela coach. Pesquise. Saia fora da sua zona de conforto e diga que sim aos novos desafios que possam cruzar-se no seu caminho.

Se o seu chefe não o apoia (não fique emocional)

Ganhar visibilidade consegue ser ainda mais desafiador num trabalho à distância. Pior ainda é quando não consegue ver o seu trabalho a ser apresentado e nem sabe se os devidos créditos foram dados. Assim, peça para participar na reunião onde o seu trabalho irá ser exposto. Peça aos seus colegas que refiram o seu nome e que reconheçam a sua contribuição para o mesmo. "Adote uma abordagem baseada em negócios em vez de [uma abordagem de cariz] emocional", referiu Choy ao The New York Times. "É mais eficaz apresentar um motivo concreto pelo qual deverá fazer parte de uma apresentação ou de uma equipa com elevada visibilidade – porque foi o responsável pela pesquisa e pode responder a perguntas sobre os dados, por exemplo", concluiu a peça.

Saiba mais Zoom, Skype, teletrabalho, pandemia, trabalhar, carreira, chefe, online, casa, economia (geral), economia, negócios e finanças, The New York Times
Relacionadas
Mais Lidas
Viver O elogio ao homem feio

Num confronto fictício entre Brad Pitt e Javier Bardem, quase todas as mulheres torceriam pelo actor americano em detrimento do espanhol, certo? Errado. Afinal, até pode ser dos menos bonitos que elas gostam mais.