Prazeres

À descoberta da cozinha algarvia (e do prazer do dolce far niente)

E se dissermos que todos os caminhos vão dar ao Algarve, no verão? E que por lá há um oásis de tranquilidade de fazer suspirar por uma eterna estadia e um (sempre) breve regresso? Chama-se Pine Cliffs Resort.

08 de setembro de 2020 | Rita Silva Avelar

Todos os ventos sopram para sul, sobretudo na temporada estival. É lá que estão algumas das mais idílicas e revitalizantes praias, bem como os oásis que nos permitem recarregar energias depois dos banhos de sol e dos mergulhos salgados. Em Olhos de Água, e no meio de uma vegetação que esconde até espécie tropicais, esconde-se um dos refúgios mais cobiçados do Algarve: o Pine Cliffs Resort. Dentro do resort, que inclui uma praia "privada" e um restaurante à beira mar, repousam espreguiçadeiras debaixo da sombra das palmeiras, que são um convite ao puro relaxamento.

Pine Cliffs Resort (vista da praia)
Pine Cliffs Resort (vista da praia)

Aliás, todo o conceito do Pine Cliffs Resort gira em torno de bem-estar: do spa, o fabuloso Serenity às mãos de Maria D’Orey, aos jardins, que são verdadeiramente terapêuticos, aos pequenos pátios inspirados na estética árabe (e logo, também algarvia) que o resort abriga - tudo foi pensado para transmitir calma e tranquilidade. No verão, e para quem aqui decide passar as férias ou não (porque alguns dos restaurantes e bares abrem ao público em geral), é imperativo fazer várias expedições gastronómicas a fim de descobrir o melhor das iguarias tipicamente algarvias, nos restaurantes e bares sobre os quais Dálio Calado, diretor de F&B do Pine Cliffs Resort, é responsável.

Interior do resort, repleto de jardins.
Interior do resort, repleto de jardins. Foto: Jéssica Reis

N'O Pescador, um dos espaços mais cobiçados pelas suas esplanadas convidativas e pelo peixe e marisco sempre frescos (e, claro, pelo bar, de onde saem os melhores cocktails), é possível provar sugestões tão distintas como ostras fresquíssimas da Ria Formosa (€18), foie gras selado em tosta melba, texturas de maçã Granny Smith, gel de romã e champagne (€21) ou ceviche de salmão com maracujá, gengibre, malagueta, coentros, lima, chalota, alga wakame e leite de coco (€19) – nas entradas. O cunho algarvio acentua-se nos pratos principais, em pratos como o arroz à Pescador com gambas, amêijoas, tamboril, lagosta, coentros, mistura de mariscos (€35) ou bacalhau confitado com caldeirada, ameijôas, batata e óleo de poejo (€29).

Restaurante O Pescador, no Pine Cliffs Resort.
Restaurante O Pescador, no Pine Cliffs Resort.

À noite, o ambiente do Piri Piri Steakhouse, situado à entrada do Pine Cliffs Resort, que convida a uma refeição aconchegante e saborosa, sobretudo se estivermos nas mãos da talentosa chef Lúcia Ribeiro, vinda de altas cozinhas como a do londrino City Social, do chef Paul Walsh, ou do reputado Vila Joya, no Algarve, e que tem por cortês e simpático hábito ir às mesas receber e conversar com os clientes. Formada em Gestão Internacional, curso que tirou Londres, virou-se para a cozinha numa corajosa viagem de autodescoberta, que a leva hoje a ser a mentora da Mimo Algarve, a escola de culinária do Pine Cliffs Resort. É ela a responsável pela panóplia de opções que existem na carta do Piri Piri Steakhouse, onde os pratos andam quase todos à volta da excelência da carne (seja nacional ou de internacional) e se materializam em pratos como o Surf & Turf, um lombo da Argentina com carabineiros (€60), que pode vir acompanhado com vários tipos de batatas, legumes, saladas ou purés (sugerimos o trufado!) ou o tenro acém da Escócia (€36). Se o intuito é partilhar, as entradas não ficam atrás dos pratos, havendo sugestões como asas de frango (€10), queijo de cabra estaladiço com figos (€12) ou tártaro de beterraba (€16). Nas sobremesas (sim, guarde um espacinho) o banoffee com leite condensado (€9) é o ex-líbris, mas a tarte de limão merengada com base de bolacha (€9) não fica atrás.

Restaurante Piri Piri Steakhouse, no Pine Cliffs Resort.
Restaurante Piri Piri Steakhouse, no Pine Cliffs Resort.

Se lhe apetecer almoçar junto à praia, o restaurante Maré corresponde às coordenadas que deseja. Vista para o mar, peixe fresco no prato (apanhado durante a noite anterior), sangria branca no copo. Junta-se-lhe a boa disposição das férias e só esta visita de cariz gastronómico já "faz" o dia. Aqui, e se aprecia marisco, é imperativo provar o lingueirão à bulhão pato (€19), mas a salada de polvo (€15) também surpreende, por vir acompanhada de batata doce crocante. Se a ideia é ficar junto à piscina, a desfrutar do relvado e da leitura prazenteira entre as sombras das árvores, o Corda Café é o sítio para dar um salto e aquecer o estômago, e nunca desilude: polvo à galega (€14) e camarões salteados (€12) nas entradas, e bacalhau à brás (€22) ou corvina assada com grelos (€25) são boas apostas para os pratos principais.

Entre as refeições, sabe bem ir até ao ginásio, um local onde a vista sobre as áreas do resort recarrega as energias para o treino, e também relaxar no spa, onde as massagens de pós-isolamento social são um sucesso, pelo seu cariz revitalizante e energizante.

Pine Cliffs Resort.
Pine Cliffs Resort.

Ao todo, o Pine Cliffs Resort conta com 12 restaurantes e 8 piscinas ao longo de, entre eles o Jardim Colonial (onde é servido o pequeno-almoço), o Miradouro Champagne Bar (para ver o pôr do sol) ou o Yakuza by Olivier, e todos os espaços garantem a maior segurança face à pandemia da covid-19. Além das medidas de segurança e de higiene, o uso de máscara é obrigatório em alguns dos espaços e recomendado em todos.

Saiba mais Olhos de Água, Algarve, Pine Cliffs Resort, O Pescador, Piri Piri Steakhouse, Maré, Corda Café, , gastronomia, estilo de vida e lazer, Algarve
Relacionadas

10 restaurantes em sítios inesperados

A companhia, o ambiente, a localização e a vista podem tornar os momentos passados à mesa únicos. Reunimos 10 restaurantes que partilham a arte de cozinhar em localizações inesperadas.

Sustentável leveza de comer

O desejo por esplanadas, refeições ligeiras e cocktails frescos atinge o seu exponente máximo no verão. A nova carta sustentável do Glass Terrace, no Sheraton Cascais, é tudo isso mas não só.

Um Alentejo em socalcos, como no Douro

Uma serra invulgar inspirou a primeira - e única - vinha no Alentejo à moda do Douro. A Herdade da Aldeia de Cima é um projeto original, de Luísa Amorim.

Suba, desfrute, e aprecie a vista

O rooftop bar do encantador Verride Palácio Santa Catarina é o spot ideal para desfrutar de um fim de tarde ameno, com vista sobre a cidade, enquanto se provam as iguarias do chef Fábio Alves.

Mais Lidas
Prazeres Suba, desfrute, e aprecie a vista

O rooftop bar do encantador Verride Palácio Santa Catarina é o spot ideal para desfrutar de um fim de tarde ameno, com vista sobre a cidade, enquanto se provam as iguarias do chef Fábio Alves.