Estilo / Moda

Como usar um lenço de bolso

Um guia sobre este pequeno grande acessório, o melhor para dar o toque final ao look de um gentleman.

02 de março de 2020 | Ana Campos

Quando se fala em lenços de bolso, quase tudo é permitido, desde que o efeito seja bonito. Mais do que coordenar com a gravata (normalmente compram-se em caixas de conjunto), deve ser pensado também em combinação com a camisa, o casaco e o resto do outfit – aí está a sua graça. O grande objetivo do lenço é destacar-se e mostrar a sua personalidade numa sala cheia de homens com blazers. Os melhores resultados dependem do gosto pessoal: o lenço de bolso tanto pode ser combinado a cor das meias, como contrastar com as restantes cores do look. Esta é a barreira que intimida muitos homens, mas não tem de ser assim.

Este acessório foi introduzido no guarda-roupa masculino no seculo XVI como uma nova forma de guardar o habitual lenço que acompanhava os homens. Ganhou popularidade nas classes altas europeias e simbolizava riqueza, status e principalmente estilo.

No séc. XVIII passou a ser obrigatório no vestuário masculino e Marie Antoinette terá mesmo pedido ao marido, o rei Luis XVI, para instituir na corte francesa um só tamanho, os 40cm que até hoje se usam. No século seguinte, passou a ser usado exclusivamente no bolso esquerdo do casaco, quando os fatos de apenas duas peças ganharam protagonismo.

As diferentes formas de dobrar este pequeno quadrado foram introduzidas no séc. XX quando os cavalheiros já não dispensavam este acessório, fosse em seda, algodão ou linho. Passou a ser essencial entre aristocratas, dandies, artistas e depois estrelas de Hollywood e continua a ser um símbolo de um homem com estilo (David Beckham que o diga).

Não é fácil conseguir uma combinação feliz entre as diferentes dobras e os diversos padrões e cores. Se esta liberdade de escolha é cada vez mais um mantra na moda, existem algumas regras que podem dar uma ajuda, como não combinar padrões parecidos, como uma gravata aos quadrados com uma camisa aos quadrados ou uma camisa às riscas com um fato riscado. Mas o juiz desta decisão é sempre quem veste. Em relação a como o colocar no bolso, é realmente uma arte, e um exercício de estilo.

O lenço de bolso pode ser encarado como uma assinatura, mais do que estar sempre a mudar a forma de dobrar, escolha uma e faça dela a sua marca pessoal. Assim, experimentar é o melhor caminho.

Aqui estão as dobras preferidas desta estação:

Puff básico
Chama-se assim pela forma pratica como se pega no centro e se coloca no bolso. Esta é uma boa opção para estampados, realça as cores e os padrões.

Puff básico
Puff básico Foto: D.R.




Puff com prega
Uma escolha mais cuidada que o puff básico, perfeita para demonstrar que não deixa nada ao acaso. Simplesmente elegante.

Puff com prega
Puff com prega Foto: D.R.




Dobra de uma ponta
A dobra mais fácil que dá um toque gráfico de cor a looks mais rígidos. A escolha obvia para lenços mais pesados

Dobra de uma ponta
Dobra de uma ponta Foto: D.R.

Dobra dunaway
Esta é sem dúvida uma das dobras mais elaboradas, mas se a conseguir dominar, vai virar cabeças de certeza. Dá um look mais arty, de elegância requintada, pela forma como as pontas saem do bolso.

Dobra dunaway
Dobra dunaway Foto: D.R.

Dobra presidencial
A mais simples forma de dobrar de todas, e aparentemente discreta, por deixar à vista apenas uma pequena tira de cor a mostrar que o bolso existe.

Dobra presidencial
Dobra presidencial Foto: D.R.
Saiba mais Lenços de Bolso, Beckham, tendências
Relacionadas

As regras da atração

Para o dia de todos os amores nada como apelar aos cinco sentidos para celebrar quem mais se gosta.

4 bons motivos para se deixar de coisas e vestir rosa

Se o azul é a cor mais quente, o rosa está ‘frio, frio, frio’ se nos aproximarmos de um armário masculino. Mas se 2020 está a ser eficaz, é em mudanças: o outono/inverno vai fazer do cor-de-rosa o seu tom oficial.

Mais Lidas
Moda Onde estão os supermodelos masculinos?

Dúvidas houvesse, os números comprovam-no: na profissão de modelo, as mulheres superam os homens, seja no lucro obtido, seja no sucesso alcançado. Por isso, as top models são quase incontáveis e os homólogos contam-se pelos dedos das mãos no mundo da moda. Ao contrário do que canta James Brown, este não é um mundo de homens.

Moda Os looks com mais pinta da ModaLisboa

As propostas para o Inverno 2020 de alguns designers portugueses desfilaram no último fim-de-semana na passerelle da Moda Lisboa. Esta é a nossa escolha dos melhores looks para a última estação do ano.

Moda "Portugal está a vestir-se muito melhor"

Inspirada no Atlântico, no seu povo e nas suas tradições, a La Paz é uma marca de moda masculina que cria peças intemporais, com o fator duração patente — comme il faut, nos tempos que correm. A MUST conversou com um dos fundadores sobre a moda nacional, o estilo dos portugueses e a influência internacional nas questões do (bom) gosto.