Estilo / Relógios e Jóias

Os cinco magníficos

Cinco dos mais icónicos relógios ganharam protagonismo nos pulsos de cinco mulheres que marcaram a história do seculo XX, pelas suas carreiras no cinema ou pelo seu protagonismo na vida pública. Donas de um estilo único elas não dispensavam estes relógios, que chegam aos dias de hoje com novos modelos e interpretações.

23 de setembro de 2019 | Ana Campos
1 de 5 /

Jackie Kennedy Onassis | O relógio preferido da antiga primeira dama dos Estados Unidos da América, acompanhava-a em todas as situações, realçando o cuidado que Jackie sempre prestou aos detalhes | Relógio Tank Solo Small em ouro e aço com bracelete em pele, Cartier

2 de 5 /

Grace Kelly | Ícone de estilo a princesa monegasca transportou o glamour de Hollywood para a aristocracia europeia. O Rolex Lady Date-Just, com lançamento em 1957, sempre foi a sua escolha de eleição | Relógio  Lady Date-Just Oyster Perpetual em ouro everose, Rolex

3 de 5 /

Greta Garbo | O joalheiro americano da 5ª Avenida , Verdura, viu o seu modelo ganhar reconhecimento quando a actriz decidiu usa-lo nas fotografias de promoção do seu ultimo filme em 1941. Até hoje mantem as mesmas linhas do original | Relógio Curb-Link Bracelet em ouro, Verdura

4 de 5 / Elizabeth Taylor | A Bulgari sempre se inspirou em motivos egípcios e quando Elizabeth Taylor protagonizou o filme Cleópatra, foi-lhe oferecido o icónico relógio da marca italiana Serpenti. As imagens de promoção tornaram-no ainda mais icónico | Relógio Serpenti Tubogas em ouro rosa com diamantes, Bulgari
5 de 5 / Catherine Deneuve | A atriz francesa sempre encarnou o estilo parisiense com uma elegância irrepreensível. A escolha da casa francesa Cartier nos seus relógios tornou-se obvia e a escolha de um modelo criado em 1906, o Baignoire | Relógio Baignoire 1920 Small em ouro com bracelete em pele, Cartier


Saiba mais estilo, relógios, Cartier, Rolex, Verdura, Bulgari
Relacionadas

O regresso da elegância

Se vai investir num relógio, escolha um modelo clássico e discreto que nunca sairá de moda. Até as marcas estão à espera que o faça…

As “devoradoras” de jóias

Para Elizabeth Taylor ou para a Duquesa de Windsor, as jóias nunca eram demasiadas. Elas são parte de uma era de ouro e de um grupo restrito de mulheres cujas peças de joalharia se tornaram tão célebres como as suas possessoras.

Mais Lidas
Relógios e Jóias As “devoradoras” de jóias

Para Elizabeth Taylor ou para a Duquesa de Windsor, as jóias nunca eram demasiadas. Elas são parte de uma era de ouro e de um grupo restrito de mulheres cujas peças de joalharia se tornaram tão célebres como as suas possessoras.