Artes

O arranha-céus de luxo de Siza Vieira em Manhattan

Trata-se do primeiro edifício nos EUA do mais premiado arquiteto português de sempre.

07 de setembro de 2019 | Marta Vieira

A elegante e majestosa torre residencial que dá pelo nome de 611 West 56th Street está em fase de construção na zona de West Side, Manhattan, Nova Iorque, perto da esquina da 11th Avenue e da 56th Street.

À Dezeen, revista online de arquitectura, interiores e design, Siza Vieira revelou que não imaginou que alguma vez recebesse uma missão assim. "Não estava à espera de construir em Manhattan", acrescentando " Foi uma grande surpresa e uma grande experiência".

A obra, que pontua a visão modernista e refinada de Siza Vieira, eleva-se a 137 metros cima do chão, altura que o arquiteto admite ser bastante curta, quando comparada com outros arranha-céus da cidade. Conta com 37 andares e compreende dois volumes em união, um bloco maior e mais largo que forma a base e um volume mais estreito que se eleva em direção ao céu. Na mesma publicação, o arquiteto compara mesmo esta segunda estrutura superior ao longo pescoço de uma girafa, gabando a sua elegância.

O perfil esbelto e escultural da torre está envolto numa fachada branca de calcário Perla Bianca. O revestimento de pedra é organizado em painéis que enfatizam as formas do edifico e se juntam a largas janelas, superfícies essas envidraçadas e expansivamente grandes, que oferecem vista para o rio Hudson. Já os interiores do edifício foram entregues às mãos do estúdio de arquitetura e design de interiores, Gabellini Sheppard Associates, que se focou na simplicidade de linhas e num minimalismo explícito para a intimidade dos apartamentos.

No total são 80 residências, de um a quatro quartos, incluindo penthouses e duplex maisonettes, com acesso a terraços privados. O sumptuoso edifício dispõe ainda, como seria de esperar, de vários luxos para os seus residentes como um spa, um ginásio e uma sauna e ainda, uma sala de jogos para crianças, uma biblioteca, um jardim no telhado, entre outras áreas para entretém dos convidados. Também será disponibilizado um serviço de transporte para o metro, durante as horas de ponta.

Álvaro Siza Vieira nasceu há 86 anos em Matosinhos e estudou na Escola Superior de Belas Artes do Porto, onde também lecionou. Começou a sua carreira em 1954 e, desde então, a sua contribuição para a arquitetura tem sido exponencial com o seu mérito e talento inegáveis a serem reconhecidos através dos mais diversos prémios e condecorações, incluindo o reconhecido prémio internacional de arquitectura Pritzker, em 1992.

611 West 56th Street
611 West 56th Street
611 West 56th Street
611 West 56th Street
611 West 56th Street
611 West 56th Street
611 West 56th Street
611 West 56th Street
611 West 56th Street
611 West 56th Street
611 West 56th Street
611 West 56th Street
Saiba mais arte, arquitetura, Álvaro Siza Vieira, português, edíficio, luxo, EUA, Manhattan
Relacionadas

Os magnatas da Arte

Por detrás de um grande artista há, quase sempre, um grande mecenas. E, felizmente, os “Donos Disto Tudo” na Arte, desde Rockefeller a Gulbenkian, optaram por deixar um legado que todos podem admirar.

As musas do calendário Pirelli

Fotografado pelo italiano Paolo Roversi, o calendário para 2020 vai contar com Emma Watson, Kristen Stewart, Claire Foy ou Rosalía, bem como outras atrizes e mulheres do mundo das artes.

Já não se fazem ícones como estes

Pertencem à era de ouro de Hollywood e fazem parte de uma galeria restrita de actores, cujos estilos a vestir os demarcaram dos demais. Sem nunca precisarem de marcas ou de recorrerem a consultores de imagem.

Mais Lidas
Master Pieces E Deus criou a Mulher

Para que não fique a acreditar que a mulher mais sensual do mundo é Monica Bellucci, mostramos-lhe outras que, muito antes dela, deram a volta ao mundo e à cabeça dos homens. A escolha não foi fácil. Eis, então, cinco verdadeiras obras-primas da Natureza.