Viver

Quer marcar um encontro? Experimente estas apps

Quer o queiramos admitir ou não, o mundo do namoro é tanto real como virtual.

Foto: Pexels
09 de outubro de 2019 | Vitória Amaral

Indepententemente de género, sexualidade ou do tipo de parceiro que deseja, para o ajudar a encontrar o amor, ou parecido, estas aplicações móveis podem fazer milagres. Para quebrar receios e esclarecer algumas dúvidas, aqui vai uma seleção de algumas das melhores ou mais interessantes, assim como algumas novidades a não deixar escapar.

  • Bumble

Enquanto os homens podem mostrar interesse, cabe às mulheres começar a conversa. Em teoria, esta dinâmica funciona e evita certos cumprimentos embaraçosos, mas muitas mulheres ainda estão habituadas a ser contactadas primeiro e acabam por esperar que o homem o faça. Apesar disso, a aplicação tem uma boa reputação no que toca a encontrar uma relação séria.

  • Instagram Stories

Ainda está por decidir se o Instagram realmente é um foco de encontros e sedução ou nem por isso. Contudo, não podemos negar que dá uma perspetiva muito mais reveladora da nossa vida pessoal do que a maioria das aplicações de namoro, além de ser possível manipular as nossas stories no Instagram à medida do que queremos que seja visto.

  • Coffee meets bagel

A proposta desta app é mais leve: é-nos dado um par por dia em vez de uma multidão de estranhos. Se não correr bem com essa pessoa, há sempre o dia de amanhã, ou existe a opção de "descobrir" para mergulhar no mar de possibilidades.

  • Do I date

Mais focada em arranjar companhia do que um par para a vida, esta aplicação permite avaliar posteriormente as pessoas com quem teve um encontro, ou simplesmente conversar antes de dar esse passo. É uma boa maneira de evitar comportamentos desagradáveis porque toda a gente quer uma boa pontuação.

  • Grindr

Apesar de várias aplicações oferecerem uma opção quanto à orientação sexual do utilizador, há algumas mais específicas para os utilizadores LGBTQI, como é o caso desta. É uma das aplicações de namoro mais antigas e é dedicada tanto à comunidade como simplesmente para curiosos.

  • Muzmatch

Mais do que uma aplicação de encontros, esta é destinada a pessoas da religião islâmica que queiram casar. Inclui verificação de selfies, a oportunidade de usar alcunhas e de desfocar a sua fotografia até encontrar o seu par ou até convidar um acompanhante – conhecido como Wali – para estar presente em qualquer conversa.

  • Tastebuds

Esta aplicação é dedicada a pessoas que querem ligar-se através dos seus gostos musicais, fazendo a correspondência através dos gostos partilhados. Esta aplicação é um alívio para as indecisões posteriores quanto ao que vão ouvir juntos.

  • Tinder

Não se pode mergulhar no mundo das aplicações de namoro sem passar pelo Tinder. Apesar de ter uma certa má reputação por ser principalmente destinado a encontros mais cursos, o Tinder foi pioneiro no mundo destas aplicações, sendo utilizado por 50 milhões de pessoas.

  • Scruff

Sendo uma aplicação dedicada à comunidade LGBTQI, a Scruff foca-se nos homens e conta com 15 milhões de utilizadores em mais de 180 países, sendo conhecida por ser utilizada para encontros casuais em alturas de viagem.

  • Happn

A Happn funciona de forma semelhante ao Tinder, mas em vez de mostrar pessoas que estão nas redondezas, permite ao utilizador encontrar-se com pessoas com quem já se cruzou.

  • Badoo

Com mais de 300 milhões de utilizadores, o Badoo reúne características de outras aplicações: o "swipe" do Tinder, um sistema de verificação de perfis como o Bumble e permite ver quem se cruzou consigo como no Happn. Mas tem uma opção própria: através do reconhecimento facial é possível encontrar alguém parecido com a sua celebridade favorita.

  • HER

À semelhança do Grindr, a HER é para toda a gente que se identifique como mulher e queira explorar várias opções, para encontrar amor ou amizade.

  • The league

Para os utilizadores mais elitistas existe esta aplicação destinada a solteiros ambiciosos com um bom currículo académico e profissional. Ao contrário das outras aplicações, é necessária uma aprovação para entrar, existindo uma versão gratuita, mas a maioria opta pela paga.

  • Plenty of fish

Esta é um dos serviços de encontros maiores e mais antigos, com 150 milhões de utilizadores registados. Permite mensagens ilimitadas e, tal como algumas das outras aplicações, tem testes prévios para determinar os gostos do utilizador.

Saiba mais namoro, app, virtual
Relacionadas

Na minha cozinha ou na tua?

Porquê ter sexo maravilhoso quando se pode saborear uma deliciosa comida? E porquê um manjar dos Deuses quando se pode usufruir de um sexo dos diabos. Já agora, porque não os dois? Ambos fazem bem e recomendam-se. Reza a ciência, mas não só. Afinal, somos todos humanos e padecemos todos dos mesmos desejos. Seja à mesa ou seja na cama.

O homem que sabe o que as mulheres querem

Cobra mil libras por uma noite e cerca de 13.500 por duas semanas de férias. Por que razão mulheres ricas e de sucesso contratam Madison James para mudarem a sua vida sexual? Entrevista com Mr. James para desvendar este mistério.

Os homens que vestem as mulheres

São aqueles que não têm medo de encarar superfícies comerciais em busca da toilette perfeita para a sua mais-que-tudo. Homens de ontem, de hoje e (esperemos que) de amanhã.

Mais Lidas