Viver

Os grandes sedutores da história

Uns contam e somam as mulheres com quem se deitaram. Outros apenas se ficam pelas paixões platónicas que espoletaram nos corações femininos. A lista poderia ser maior, mas nós não somos de exageros…

Foto: Getty Images
17 de novembro de 2019 | Jorge Pimentel
  1. Hugh Hefner Nestas contas há sempre exagero, mas crê-se que o fundador da Playboy e criador das "Coelhinhas" fez sexo com mais avidez do que os próprios coelhos. A soma? Umas duas a cinco mil mulheres, fora os homens que confessou ter tido, desde que se iniciou sexualmente, aos 22 anos. E viveu mais 69 (oooops!).
  2. George Best O "sexto Be
    Hugh Hefner
    Hugh Hefner Foto: Getty Images
    atle". Roupas caras, carros desportivos, mulheres bonitas e muito álcool definiram a vida desregrada do jogador do Manchester United e da selecção irlandesa e Bola de Ouro (1968). Tinha uma aura de sedução devido à compleição física entre o actor e a estrela de rock. Noctívago e mulherengo, ele foi um dos maiores ídolos do Reino Unido.
  3. Fidel Castro No documentário de Ian Halperin, de 2008, um militar próximo daquele líder confidenciou que uma "patrulha especial" recrutava as mais belas mulheres para dormirem com Fidel. Disse: "Ao longo de 40 anos, ele dormiu, pelo menos, com duas mulheres por dia – uma ao almoço e outra ao jantar. Às vezes, pedia uma ao pequeno-almoço." Ao todo, elas teriam sido 35 mil.
    Fidel Castro
    Fidel Castro Foto: Getty Images
  4. Jack Nicholson Com falsa modéstia ou não, este actor, de 80 anos, confessa-se: "Quantos filhos devo ter tido [oficialmente tem cinco]? Uns nove mil, pelo que eu sei. Eu era tão libertino. Nunca me fartava de mulheres. Houve alturas em que fui para a cama com quatro ou mais." Ao todo, ele tem cinco filhos de quatro casamentos (fora a ligação com Anjelica Huston). E, segundo diz, mulheres não lhe faltam…
    Jack Nicholson
    Jack Nicholson Foto: Getty Images
  5. Clã Kennedy A aura de sedução provinha mais do poder e do dinheiro que tinham. Conta-se que o pai, Joseph, e os filhos, John, Robert e Edward, passavam as amantes uns aos outros. O chefe do clã teve como amante Gloria Swanson e JFK fazia desfilar as mistresses pela Casa Branca, destacando-se, ao que se diz, as "bombas" Marilyn Monroe e Angie Dickinson.
  6. Julio Iglesias É o macho latino da era moderna. Ainda faz suspirar as mulheres quando "canta" com aquele "trinado" romântico e com aqueles fatos justos. De guarda-redes a sex symbol foi um ápice. Diz que terá seduzido três mil mulheres e ele confessa: "Isso deve ter sido até 1976. Não contaram com as seguintes." Ter um pai ginecologista tê-lo-á influenciado?
    Julio Iglesias
    Julio Iglesias Foto: Getty Images
  7. Rocco Siffredi Bem, este homem é um profissional na matéria. Pelo visto, dentro e fora da indústria porno. Tal como John Holmes, é incontável o número de mulheres com as quais teve sexo (fez cerca de dois mil filmes), mas ele admite que, fora disso, só tem sexo a sério com a linda mulher, a ex-porn star Rosa Caracciciolo, mãe dos dois filhos e com a qual está casado há 21 anos. A mulher não se tem queixado de infidelidades…
  8. Warren Beatty Foi o solteirão mais desejado de Hollywood, até casar com Anette Bening. Antes disso, estima-se em 12.775 (a contagem é precisa) as mulheres com quem esteve na cama. Brigitte Bardot, Joan Collins, Candice Bergen, Isabelle Adjani ou Madonna foram algumas. Sobre a performance sexual dele, Elizabeth Taylor disse: "De 1 a 10, dou-lhe 15." As que ousaram também falar disseram que saíram exaustas da cama.
    Warren Beatty
    Warren Beatty Foto: Getty Images
  9. Sean Connery Era um actor de segunda categoria quando foi escolhido para o papel de James Bond. Tornou-se famoso e a paixão platónica das mulheres ocidentais, na década de 60. Teve mais amantes nos filmes de 007 do que na vida real, pois não se lhe conhecem casos extra-matrimoniais nos seus dois casamentos. Nem por isso deixa de ser um sedutor, mesmo aos 87 anos.
  10. Serge Gainsbourg Não era apenas um ídolo da canção francesa dos anos 60 e 70, mas um dos grandes sedutores de França. A relação mais estável teve-a com Jane Birkin, com a qual gravou a "escandalosa" canção Je T’aime, Moi Non Plus. Considerado um feio-bonito, era um sedutor nato e também era idolatrado por homens que o viam como um símbolo de masculinidade e um ícone de estilo.
    Serge Gainsbourg
    Serge Gainsbourg Foto: Getty Images
  11. Alain Delon A passagem do tempo não o poupou, mas no auge da beleza, nos anos 60 e 70, era, como homem, ‘o’ símbolo sexual francês por excelência, uma espécie de Catherine Deneuve no masculino. Foi casado com Nathalie Delon, mas as suas paixões foram para Mireille Darc e Romy Schneider. "Belo demais para ser hétero", teve as suas incursões amorosas entre o seu género.
  12. Yves Montand Deve a aura de grand seducteur ao passar dos anos e ao estilo sóbrio e elegante ensinado por Edith Piaf, com quem teve uma relação amorosa. Casou duas vezes, uma das quais com a bela Simone Signoret. Nas filmagens, nos EUA, Marilyn Monroe e Barbra Streisand apaixonaram-se por ele, mas ele era casado com Signoret e repudiou-as, por ter deixado os anos de loucura com mulheres.
  13. José Mourinho Temos, finalmente, um português nesta lista. Antes dele, actores como António Vilar ou Virgílio Teixeira também eram os eleitos das mulheres portuguesas, mas o treinador do Manchester United faz suspirar mulheres por esse mundo fora e foi um caso de adoração pelas inglesas. Admirado pelos homens, como o grande profissional que é, e pelas mulheres, pela compleição física e pelo cabelo grisalho, a Mourinho só lhe falta tentar o Cinema. Brad Pitt faz as malas…
    José Mourinho
    José Mourinho Foto: Getty Images
  14. Brad Pitt Só de pensar que Geena Davis não se conseguia concentrar quando ensaiava com ele um teste para o filme Thelma & Louise, diz tudo. Acumulou relações e paixões ao longo dos anos de carreira, desde a improvável com Juliette Lewis à inesperada com Angelina Jolie. Não precisa de contar com quantas mulheres esteve porque está muito acima disso. Qual a senhora que se segue?
  15. Gene Simmons Dizem as "más-línguas" que a língua do vocalista e fundador dos Kiss é o seu melhor instrumento sexual, razão também pela qual deverá a caterva de conquistas, muitas delas bizarras, como foi o caso com Diana Ross, já que Cher parecia ser a parceira ideal. O próprio não desmente que nos anos de loucura que viveu, antes de casar com a playmate Shannon Tweed, teve relações com perto de meio milhão de mulheres. Para quem vendeu mais de cem milhões de discos, é pouco…
    Gene Simmons
    Gene Simmons Foto: Getty Images
  16. Marcello Mastroianni O Martini man foi inspirado nele no filme La Dolce Vita, mas não lhe chegou aos calcanhares. Mastroianni simbolizou o macho italiano, mas sem ser machista e misógino. Com uma plêiade de admiradoras e romances que deram que falar, como o vivido com Catherine Deneuve, encarna, ainda hoje, a imagem do sedutor irresistível e elegante.
  17. Frank Sinatra Só a voz fazia desmaiar mulheres. Magricela e orelhudo nos começos da carreira, juntava os olhos azuis ao timbre mavioso e romântico da voz e as mulheres ficavam histéricas só de o ouvirem. Entende-se, por isso, que não tenha sido um marido fiel, mas quem, entre nós, não o entende só de o ouvir entoar The Shadow of Your Smile…
  18. Charlie Chaplin Foi um caso complicado. Sir Chaplin foi um mulherengo e tinha pendor para menores de idade. Picasso também era mulherengo, e de que modo!, mas não arriscava tanto. O famoso Charlot teve de casar com duas jovens para evitar os escândalos e a prisão. O número de filhos (11) revela como era profícuo sexualmente. Diz-se que até na velhice não se dava por vencido…

 

 

 

Saiba mais sedutores, atores, hollywood, mulherengos, ícones
Relacionadas

O novo homem Alfa

Ser homem, hoje, já não é o que era? E que sentido tem a masculinidade? Do cinema à moda, do desportista ao gentleman, do intelectual ao rebelde ou do político ao dandy, tudo isso mudou. Para melhor? Provavelmente.

O elogio ao homem feio

Num confronto fictício entre Brad Pitt e Javier Bardem, quase todas as mulheres torceriam pelo actor americano em detrimento do espanhol, certo? Errado. Afinal, até pode ser dos menos bonitos que elas gostam mais.

O que os homens não entendem nas mulheres

Para os homens, é roxo. Para as mulheres, também. Mas pode ainda ser lilás, magenta, lavanda, beringela… Este é apenas um exemplo subtil de como algo aparentemente simples pode ser entendido de formas diferentes – e dar azo a discussão. Voámos de Vénus a Marte para saber o que é que eles não conseguem perceber sobre elas. E, pelo caminho, ficámos com vontade de sussurrar: “You know nothing, Jon Snow.”

Bruce Springsteen, o herói sem direito a reforma

Une gerações e cruza estilos sem perder a autenticidade. Um homem e um músico que nunca passou de moda. Marca uma presença humilde em combates políticos. Gosta de uma vida simples, depois de um crescimento complicado. Aos 70 anos, agora completados, não perdeu o gosto dos palcos e dos discos. Eis uma fanfarra para um homem comum.

As boas maneiras ainda importam?

O que é mais importante? Saber o que fazer com os talheres à mesa ou resistir e não mexer no telemóvel? Ou será que, hoje em dia, as regras de etiqueta já não fazem sentido?

Mais Lidas
Viver Como flirtar, hoje (sem se meter em trabalhos)

Mensagens sexy? Piscadelas de olhos? Dirty dancing? Devemos saber qual é a nova etiqueta para o flirt num mundo pós-Weinstein. Não é fácil. Por isso, leia o guia de Shane Watson* antes de tomar qualquer iniciativa.

Viver Os refúgios dos playboys e dos magnatas

Paris, Cap d’Antibes, Veneza, Rio de Janeiro, Capri, Gstaad, Mustique, Sain-Tropez ou Acapulco eram alguns dos redutos ou refúgios de sonho de estrelas de cinema, de herdeiros, de magnatas, de aristocratas e de playboys, nas décadas de 1950 a 1970. A aviação comercial foi crucial para o desenvolvimento das viagens de luxo dos happy few, antes que esses lugares míticos tivessem ficado abarrotados de turistas e os aviões se tivessem transformado em meros autocarros aéreos.

Viver O homem que sabe o que as mulheres querem

Cobra mil libras por uma noite e cerca de 13.500 por duas semanas de férias. Por que razão mulheres ricas e de sucesso contratam Madison James para mudarem a sua vida sexual? Entrevista com Mr. James para desvendar este mistério.