Conversas

Os lugares abandonados mais inquietantes do mundo

O novo livro do fotógrafo francês Romain Veillon reúne mais de 200 imagens capturadas nos lugares mais remotos e desabitados do planeta.

Foto: Romain Veillon
05 de novembro de 2021 | Rita Silva Avelar
E se o ser humano não habitasse este planeta? Em Green Urbex: O mundo sem nós, o novo livro do fotógrafo Romain Veillon, podemos ter um vislumbre do que seria se a humanidade tivesse desaparecido da face da terra, e a Natureza ganhasse de novo terreno em sítios abandonados.
Lugares abandonados em
Lugares abandonados em "Green Urbex: O mundo sem nós". Foto: Romain Veillon


Veillon dedica-se há 20 anos a captar a beleza de lugares abandonados, compilando as suas melhores 200 fotografias dentro da temática neste novo livro. "O livro está dividido em três partes: na primeira, lugares vazios mas intactos aparecem como se os humanos simplesmente tivessem desaparecido, apenas um pouco de poeira cobre as superfícies. Na segunda parte, as paredes aparecem rachadas e a decadência está presente em todos os sítios. A humanidade foi-se há muito ... E na última parte, a natureza está lentamente a abrir o seu caminho nas construções humanas e a regressar. Num mundo cheio de ruínas e vegetação, é difícil adivinhar que ali viviam humanos ", conta o fotógrafo, em entrevista à Condé Nast Traveller espanhola.
Lugares abandonados em
Lugares abandonados em "Green Urbex: O mundo sem nós". Foto: Romain Veillon


O livro é o reflexo de muitas viagens a sítios remotos, abandonados e até sinistros, do casino Constanta, na Roménia, ao monumento Buzludja na Bulgária. "No ' Green Urbex' há fotos recentes, mas também muito antigas. É sempre surpreendente voltar a um arquivo antigo esquecido no computador e redescobrir um trabalho do passado. É como revisitar os locais e relembrar tudo o que aconteceu durante a visita" afirma. 

O livro está disponível na Amazon.
Saiba mais Romain Veillon, Green Urbex, artes, cultura e entretenimento, fotografia
Relacionadas
Mais Lidas
Conversas “O vinho Tal da Lixa foi uma noite mal dormida”

Óscar Meireles é o rosto discreto do Monverde Wine Experience Hotel, premiado este ano com o “Best of Wine Tourism” da Rede Mundial de Capitais de Grandes Vinhedos. Por trás, está a sua Quinta da Lixa que produz mais de seis milhões de litros de vinho verde por ano, metade dos quais para 35 mercados fora de Portugal.

Conversas Bill Gates, o homem que quer salvar o mundo

Foi fantástico fazer programação, gerir a Microsoft e ganhar 98 mil milhões de dólares quando tinha 40 anos, mas não se compara ao que Bill Gates faz agora ao salvar milhões de vidas. E é um homem sensível que pode chorar com facilidade. Fomos à Etiópia com o filantropo, a fim de descobrir o que realmente o motiva – e o que faz para relaxar após um período de trabalho ou de tensão.